Exaustão e amamentação | De Mãe para Mãe

Exaustão e amamentação

Responda
60 mensagens
CL1990 -
Offline
Desde 28 Out 2021

Olá a todas,

Tenho um bebé de menos de 15 dias e tenho estado a amamentar com LM praticamente em exclusivo.
Acontece que durante a noite ele acorda de 1h30 a 2h para mamar, mama aproximadamenfe 30 minutos e depois demoro imenso tempo a conseguir adormece-lo de novo. Conclusão: estou exausta e com poucos minutos de sono entre mamadas.
Sempre quis amamentar e não queria parar mas isto está a ir além das minhas forças e estou a perder a sanidade mental. Nem sei se o meu leite é suficiente pois acaba de mamar, adormece na mama mas quando o pouso no berço e acorda, parece sempre com fome. Mas não posso nem quero passar 24h com ele ao peito, não tenho forças para isso.
Poderei alternar com LA durante a noite? Quais as consequências disto?
Numa urgência em que tenha que sair, poderei recorrer também a LA?
Não consigo extrair o meu leite, pelo que, não é uma opção.
Até quando é expectavel que acorde tantas vezes para mamar?

Perguntarei isto ao pediatra mas quero ouvir as vossas opiniões.

Desde 23 Ago 2020

Bem, não quero desanimar mas a minha tem um ano e se puder mama a noite toda, e a de 3 anos só agora há pouco começou a deixar, mas se lhe der também anda umas boas horas a sugar
Pode alternar de noite sim, o problema é se não é fome mas sim o seu aconchego que o bebê quer, eles usam a maminha para tudo , mas pode experimentar
Se precisar se ausentar pode dar LA também já que não consegue extrair
Se for para sos aconselharam me o nan que tem já feito em pacotinhos prontos , tem no continente, pingo doce, porque o em pó após aberto dura só umas 3 semanas se não estou em erro, e os pacotinhos já feitos são para uma só mamada ....

carlabrito -
Offline
Desde 30 Maio 2017

Eu passei o mesmo com os meus dois filhos.
Ele mamava a cada 2h, dia e noite.
Ela mamava a casa 1,5h, dia e noite.
Não tenho muitas dicas.
Eu andava tipo zombie.
Do meu primeiro filho fui aguentando, sobreviver, fazer o minimo.
Da minha filha, como já nao aguentava mais e nao tinha tempo nenhum para o mais velho, aos 2 meses parei a amamentar.
Nao ha consequencias.
Cada bebé é diferente.
Cada uma das nossas vidas é diferente.
Quando é necessário alterar os objetivos e ir noutra direção, é fazer o que é melhor para cada uma das nossas famílias.
Com certeza que está a fazer o melhor que pode, por isso, nao se culpe de nada.
O importante é que a mãe, o bebé e a família estejam bem.

prat -
Offline
Desde 25 Jan 2023

Olá,
é uma decisão muito pessoal.
Tem de estar consciente que mesmo se der LA não é garantido que o bebé vá dormir melhor. A vantagem é que pode ser o pai a dar o biberão.
Se der LA o seu organismo irá adaptar-se e passa a produzir menos leite. Enquanto não se adapta pode ter excesso de leite e ter mastites. Tbm pode reverter se voltar a dar amamentar mais vezes (o organismo demora sempre algum tempo a adaptar-se).
Sofri muito com a amamentação, quis desistir. Dei LA como suplemento, retirei LM e dei como suplemento, tive mastites, doeu imenso, fiquei demasiado magra, parecia doente, ..
Só começou a correr bem quando me borrifei para a amamentação (é esse o segredo). O pai estava sempre pronto a fazer o LA sem críticas.
Foi duro, exigente, frustante, ...
Mas voltava a passar pelo mesmo. E voltei com o segundo filhote, mas foi mais fácil (dificil na primeira semana) e amamentei até aos 2 anos.
Quando está bem establizada é ótimo amamentar. Não há biberões, nem fortunas em LA, não é preciso de sair com muita tralha (água quente, biberão, ...) e, no meu caso, emagreci super rápido. Com 2-3 meses comecei a criar um stock de LM congelado que dava para as emergências e já tinha mais liberdade.
Amamentando ou não continuará a ser uma boa mãe.
A decisão é sua e ninguém a pode criticar por isso.
Felicidades!

AnaLuzC -
Offline
Desde 06 Jan 2023

Acho que a maior parte de nós passa pelo mesmo... Não tem que se culpar de nada, e se vier a desistir de amamentar ninguém tem que lhe apontar o dedo.
Se quiser tentar fazer alternado, não sei que biberões está a usar mas os da Medela são bons para essa prática. Eles têm que fazer uma força semelhante à que fazem no mamilo. Eu usei na minha até há pouco tempo e ela continuou a querer também maminha, quando toda a gente me dizia que assim que se habituasse ao biberão ia deixar a mama. Não quer dizer que seja igual para todos, mas conosco resultou.
Se tiver essa opção, adira a um grupo de apoio à amamentação. Não sei se fez algum curso de preparação no pré parto, normalmente eles dão contactos nesses cursos. Se não, também pode conseguir através do seu centro de saúde.
Em relação ao acordar tantas vezes, se calhar nem é fome. Como já foi dito, nesta fase a maminha representa muito mais do que apenas o leite. É normal que ele queira estar 24h colado a si porque tal como é tudo novo para si, para ele ainda mais. Foi muito tempo na sua barriga... Já adquiriu um sling? Se não, não hesite!
Não se prenda ao expectável, cada bebé é um bebé e quanto menos pensar no que vai acontecer na próxima semana melhor. É viver um dia de cada vez acredite. Pode pensar que agora é muito fácil para mim falar 😅 mas a verdade é que também estamos a passar uma fase má deste lado, a diferença é que as minhas hormonas já estão controladas e já sei o conceito de "fases".
Qualquer coisa que precise desabafar pode enviar MP, eu não me importo ☺️
Tudo a correr bem!

jcsap13 -
Offline
Desde 26 Maio 2022

olá!
O primeiro mês do primeiro filho é algo muito complicado de dar opinião.
cada bebé é um bebé e por muito que nos digam que vai ser duro, que não vamos dormir etc etc só quando passamos por essa fase é que levamos um "chapadão" de realidade que nos põe abaixo.
Quanto ao tempo que e expectável há variações! e não ha truques para que algo mude ou melhore. o meu filho mais velho acordou todas as noites ate ter 4 anos! ate aos 18meses acordava de 3 em 3 horas, pequenos despertares, não ser para mamar ou comer mas requeria a atenção para voltar a adormecer. já o mais novo dormiu a noite toda a partir dos 6 meses. o método foi o mesmo a forma de lidar e as rotinas de final de dia e alimentação as mesmas! dependerá da criança.
Quanto ao LA no meu filho prematuro tinha que dar suplementação depois da mama e honestamente era igualmente cansativo, o preparar o biberão, dar colocar arrotar o tempo "dispendido" era ela por ela. a unica vantagem é que pode alternar com o pai para "dar o biberão".
Mas se acha que a irá ajudar, experimente, a nossa sanidade mental acima de todos os fundamentalismos de amamentação exclusiva. sou a favor do que nos faz melhor. mãe feliz bebé feliz!
força tudo acaba por melhorar.

CL1990 -
Offline
Desde 28 Out 2021

Obrigada pelas vossas palavras. Ele pega bem na mama mas parece sempre com fome, sempre a pôr a mão na boca. Não sei se o LA vai ajudar a que durma mais, mas eu não peço uma noite inteira, nem sequer meia noite, só peço mais uma hora entre mamadas para poder descansar. Eu não aguento este ritmo muito mais tempo. E pelos vossos comentarios, nem sempre esta fase passa. E isso asusta-me muito. Não tenho forças para diariamente não dormir nem 1h por noite.
Não sei o que vai ser de mim quando o pai for trabalhar.

Rita Costa3 -
Offline
Desde 28 Jun 2021

A minha bebé não acordava assim tantas vezes de noite e já me custava. Imagino-a a si....
A solução que encontrei foi dar-lhe maminha deitada. Eu descansava e ela acabava de mamar quando queria e adormecia. Se se sentir confortável a fazer isso, pode ser uma solução.

AnaLuzC -
Offline
Desde 06 Jan 2023

CL1990 escreveu:
Obrigada pelas vossas palavras. Ele pega bem na mama mas parece sempre com fome, sempre a pôr a mão na boca. Não sei se o LA vai ajudar a que durma mais, mas eu não peço uma noite inteira, nem sequer meia noite, só peço mais uma hora entre mamadas para poder descansar. Eu não aguento este ritmo muito mais tempo. E pelos vossos comentarios, nem sempre esta fase passa. E isso asusta-me muito. Não tenho forças para diariamente não dormir nem 1h por noite.
Não sei o que vai ser de mim quando o pai for trabalhar.

Calma, acho que ninguém disse que a fase não passa. Tudo passa. O que se falou é que há regressões de sono mais par a aà frente. Mas é muito pouco provável que o seu bebé acorde todas a noites de hora a hora durante muitos meses. Se o fizer talvez tenha que procurar uma explicação.
O que acontece são fases, diferentes mas igualmente cansativas. Mas o seu corpo e mente também se habituam. Como disse anteriormente neste momento está sob o efeito hormonal do pós parto, os chamados baby blues. Mais para a frente consegue ter outro pragmatismo. Não sei explicar melhor, mas é diferente.
Eu não percebi se por acaso já tentou fazer swaddle? Conosco não resultou mas há imensos casos que funciona.

AnaLuzC -
Offline
Desde 06 Jan 2023

Outra coisa, tem conseguido dormir durante o dia? É muito importante nesta fase.

MisaL -
Online
Desde 17 Abr 2019

Tens de te coordenar com ele e descansarem nos mesmos tempos. Não podes tentar fazer coisas de dia para depois dormir à noite...tens de dormir com ele, agora nesta altura tem de ser assim.
Eu amamentei (também não foi por muito tempo) porque sei que é o melhor, mas nunca me tocaram os sininhos e nunca achei que fosse mais prático amamentar do que preparar um biberão. Eu gosto do pós parto, mas acho que o ponto de estabilidade só encontrei quando deixei de amamentar. Faz o que te fizer sentir bem. O mais certo é a amamentação ir reduzindo e para que isso não aconteça vai exigir muito de ti também. Se for uma decisão em consciência, força, se vos ajudar a descansar, passa a dar LA à noite. No entanto, não vás com a expectativa assim muito alta. O meu filho acordava 14vezes por noite já a LA exclusivo. Até perto dos 3 anos acordou sempre no mínimo umas 4 ou 5 vezes por noite.
Faz sempre as coisas no sentido de "vamos ver se resulta", sem estar a apostar as fichas todas.
É muita coisa junta em tão pouco tempo. É normal que te sintas assim, mas depois também ganhas outra experiência, o corpo habitua-se e começa a parecer mais simples.
Não sei se consegues fisicamente, nem o que tens feito, mas tenta sair de casa, sai sempre com ele todos os dias. Dá um passeio, nem que seja pequeno e depois quando chegares a casa dorme uma sesta. Esquece a casa, neste momento é cuidares de ti e do bebé.

CL1990 -
Offline
Desde 28 Out 2021

Tenho tentado dormir de dia mas nem sempre consigo. Basta ouvi-lo gemer ao longe que já desperto.
Posso dar passeios com ele? Como é muito pequenino tenho receio de apanhar algum virus ou assim.
Tentamos o swaddle mas não surtiu efeito.

MisaL -
Online
Desde 17 Abr 2019

Esse também é um dos problemas da noite, é que acordamos com eles. Não me adiantava de nada se era o pai que fazia, eu acordava na mesma.
Podes e deves. A minha filha teve 1 mês internada, então quando saiu do hospital eu estava tão farta que não parava em casa. O meu filho já tinha uma irmã, é uma vida totalmente diferente. Ele não saiu logo, logo, mas eu sim, acho que nunca tive um dia de não sair de casa e ele com uns dias/semanas já ia para todo o lado. Faz bem o ar, o sol, a rua, tens de o proteger do frio e não andares em ambientes tóxicos, de resto podes ir apanhar ar, tomar um café numa esplanada, apanhar oxigénio. Se não for de noite, vais ver que pelo menos de dia vai ser mais tranquilo.

CL1990 escreveu:
Tenho tentado dormir de dia mas nem sempre consigo. Basta ouvi-lo gemer ao longe que já desperto.
Posso dar passeios com ele? Como é muito pequenino tenho receio de apanhar algum virus ou assim.
Tentamos o swaddle mas não surtiu efeito.

Maggie_ -
Offline
Desde 13 Abr 2021

CL1990 escreveu:
Tenho tentado dormir de dia mas nem sempre consigo. Basta ouvi-lo gemer ao longe que já desperto.
Posso dar passeios com ele? Como é muito pequenino tenho receio de apanhar algum virus ou assim.
Tentamos o swaddle mas não surtiu efeito.

O swaddle aqui não funcionou, mas o ninho sim. Já testaste?
Era isso umas noites, outras dormia comigo e dava mama deitada.
Dá uma voltinha todos os dias, os dias estão bons.
Não vás a sitios fechados, ou com muita gente, mas sai. Vai ao jardim, a uma esplanada, nem que seja ver os carros na esquina.
Faz muito bem sair de casa.

Sónia S. Silva -
Offline
Desde 21 Set 2021

Não desistas!
o primeiro mês é uma m.... para nós, mas passa, a sério, a meio do segundo mês já estás pro! Eu tenho uma bebé que é um anjo para dormir desde o primeiro dia, e estava a dar em doida com a amamentação...não conseguia bombear (não saía nada...comprei uma bomba de 200 euros e queria devolver porque "não funcionava"...), fiz mastite, febres altas, dores horriveis nas mamas sempre encaroçadas...chorava de dores com lágrimas grosssas ao amamentar, doía-me tanto, então quando fiz a mastite e tinha que continuar a amamentar...chorava e dizia ao meu namorado que não queria mais, que não ia amamentar, que se lixasse tudo dava suplemento e estava a andar...olha...mas não queria desistir. A verdade é que o teu corpo vai-se regulando, e a meio do segundo mês já não me lembrava de nada daquilo, e amamentar tornou-se um prazer e um momento lindo entre mim e a bebé. Agora aos 3 meses estou pro! Mas chamei uma conselheira de amamentação a casa (serviço grátis), e ela basicamente disse que estava a produzir leite para gémeos a bombear demais, e por isso é que encaroçava...não é preciso esvaziar as mamas, o corpo absorve o que ela não consome). Muito importante massagens circulares com força, compra os pads térmicos da chico, são muito bons, dá para aplicar frio e quente.
Eu sei o que é querer desistir...mas o nosso corpo sabe o que faz e vai chegar o dia que tudo faz sentido
Olha a mim ajudou-me muito o mamilo de silicone, ainda hj uso, da medela, facilita muito a pega. E a bomba passou a funcionar logo passado uns 20 dias, e fui tirando cada vez mais. Tenho a eléctrica da medela mas a conselho da Anostski também comprei há dias a manual da medela e realmente tira muito mais leite, mas é uma seca para o pulso, mas em 7-10 minutos tiro 100ml de uma mama, enquando que com a eléctrica tiro uns 60ml em 20m...a hora a que bombeias também influencia, de noite produzes mais prolactina por isso em princípio consegues tirar mais leite.
E como estás a recuperar da cesariana, mima-te. Eu no primeiro mês não fazia puto: só dava de mamar, ele é que se levantava para ma dar, para mudar fralda, para pôr berço...felizmente ela sempre dormiu bem, mas eu não mexia uma palha. E mesmo assim andava grogue e chorona, por isso imagino-te a ti...
Beijinhos e força, vai passar!!

Sónia Silva

AnaLuzC -
Offline
Desde 06 Jan 2023

Sónia vai-me desculpar, eu sei que o seu comentário tem bom fundo e está só a tentar ajudar, mas tendo eu vindo de uma situação mais semelhante à do tópico (recém nascido que não dorme e passa horas a chorar) sei que me ia sentir mal a ler isso. Não me leve a mal! Como disse sei que está a tentar ajudar, mas deve sempre salvaguardar à mãe em questao que se decidir não amamentar esta tudo bem. A palavra desistir é muito forte. Mesmo que o bebé em questão dormisse bem como o seu mas a mãe mesmo assim sentisse que amamentar não é para ela teria que seguir em frente sem o peso da desistência.
Acho importante incentivar à amamentação é claro, por todos os motivos e mais alguns, mas nos dias de hoje com as opções que há, não se deve sobrepor à saúde mental da mãe. Porque se está falha, aí sim, será prejudicial para o bebé.
Peço desculpa, mas tinha que reforçar isto, que senti na pele. Fico contente em ler o seu relato também, é bom ler experiências que terminaram bem, mas infelizmente nem sempre a cabeça acompanha, e estamos cá para dar força em todas as frentes.

CL1990 -
Offline
Desde 28 Out 2021

O que me deixa exausta na amamentação é a intensidade. Tenho alguma dor mas apenas quando ele pega. O que me causa todo este transtorno é estar constantemente a dar de mamar, a não dormir nem 30 minutos entre mamadas. Por mais que o pai fique com ele, eu ouço e não consigo abstrair-me. De dia é um sossego. Ele dorme, mama, dorme, mama. Pode chorar mas é esporadico. De noite é mesmo muito complicado e mal se aproxima a noite já começo a desesperar. As lagrimas grossas caiem-me todas as noites enquanto amamento.
O meu filho é um bebé muito desejado mas começo a duvidar das minhas capacidades para cuidar dele. Não estava preparada para uma privação quase total de sono. Olho para ele e tento pensar que é só uma fase, é o que mais desejo, é que me dê pelo menos algumas horas de sono por noite.
Mais uma vez este forum é o meu refugio. A maternidade é um processo extremamente solitario e eu não tinha esta noção. Já tive amigas a serem mães e hoje vejo que não fui a amiga perfeita, por desconhecimento total de toda a transformação que esta fase trás na nossa vida.
A minha mãe tem vindo cá umas horas á tarde. Somos muito ligadas. É a minha melhor amiga e sempre fizemos muitas coidas juntas desde ir lanchar, ir ao shopping... Como ela não conduz, os 5 minutos que saio de casa para a levar a casa dela têm me feito bem. Mas ontem dei por mim á porta de casa dela e a pensar "só queria entrar e ficar, no meu quarto de solteira".

Obrigada a todas por tudo. Mesmo sem nos conhecermos, já se tornaram mais amigas que muitas amigas. Vou tentar seguir os vossos conselhos.

carlabrito -
Offline
Desde 30 Maio 2017

Uma coisa que eu fazia com o meu marido, era tirar leite com uma bomba electrica, e o marido dava ao bebé.
Nós dividiamos a noite.
4 horas ia o pai dormir para o quarto e eu dormia com o bebe na sala, o bebe na alcofa.
Nas 4 horas seguintes o pai ia para a sala, dava o biberao ao bebe quando era preciso, e eu ia dormir para o quarto. Portas todas fechadas!

CL1990 -
Offline
Desde 28 Out 2021

Eu nao consigo extrair o meu leite infelizmente 😔

MisaL -
Online
Desde 17 Abr 2019

Porque não experimentas 1 dia ou 2 a ver como corre? Também não tens que tomar uma decisão para a vida, pode beber LA 2 noites e se não funcionar para vocês, tentas voltar a amamentar, e se funcionar lindamente fazes a tua escolha.
Digo muitas vezes à minha irmã: o que mais sinto falta é deitar-me à sexta-feira e pensar "vou dormir sem despertador".
Fazes bem sair, tenta sempre um bocadinho e sozinha ainda é mais produtivo. Vai tomar um café de manhã, vai às compras, vai à farmácia, aproveita tudo o que tiveres para fazer e sai de casa.
Força, estamos a torcer para um dia destes dizeres "dorme 6hs seguidas, será melhor acordá-lo para mamar?" Sorriso

CL1990 escreveu:
O que me deixa exausta na amamentação é a intensidade. Tenho alguma dor mas apenas quando ele pega. O que me causa todo este transtorno é estar constantemente a dar de mamar, a não dormir nem 30 minutos entre mamadas. Por mais que o pai fique com ele, eu ouço e não consigo abstrair-me. De dia é um sossego. Ele dorme, mama, dorme, mama. Pode chorar mas é esporadico. De noite é mesmo muito complicado e mal se aproxima a noite já começo a desesperar. As lagrimas grossas caiem-me todas as noites enquanto amamento.
O meu filho é um bebé muito desejado mas começo a duvidar das minhas capacidades para cuidar dele. Não estava preparada para uma privação quase total de sono. Olho para ele e tento pensar que é só uma fase, é o que mais desejo, é que me dê pelo menos algumas horas de sono por noite.
Mais uma vez este forum é o meu refugio. A maternidade é um processo extremamente solitario e eu não tinha esta noção. Já tive amigas a serem mães e hoje vejo que não fui a amiga perfeita, por desconhecimento total de toda a transformação que esta fase trás na nossa vida.
A minha mãe tem vindo cá umas horas á tarde. Somos muito ligadas. É a minha melhor amiga e sempre fizemos muitas coidas juntas desde ir lanchar, ir ao shopping... Como ela não conduz, os 5 minutos que saio de casa para a levar a casa dela têm me feito bem. Mas ontem dei por mim á porta de casa dela e a pensar "só queria entrar e ficar, no meu quarto de solteira".
Obrigada a todas por tudo. Mesmo sem nos conhecermos, já se tornaram mais amigas que muitas amigas. Vou tentar seguir os vossos conselhos.

MisaL -
Online
Desde 17 Abr 2019

CL1990 escreveu:
Eu nao consigo extrair o meu leite infelizmente 😔

É normal nesta fase. Não percebo muito de amamentação, mas sendo recém-nascido e o cansaço junto, não é fácil tirar leite.
Também nunca tirei grande muito, para tirar 90ml era um dia a juntar pingas.

AnaLuzC -
Offline
Desde 06 Jan 2023

MisaL escreveu:

Força, estamos a torcer para um dia destes dizeres "dorme 6hs seguidas, será melhor acordá-lo para mamar?"

Hahaha lindo 😂 é bem possível!
A minha hoje dormiu seguido das 9h30 às 6h (normalmente adormece mais cedo mas ontem foi complicado...) e eu é que acordei 3 vezes durante a noite a estranhar 😅 o meu nariz entupido também não ajuda, mas pronto...

Eu também nunca conseguia tirar grande leite. Tenho a manual da Medela e o máximo que consegui foi 20ml. Eu queria tirar não tanto naquela de guardar mas porque queria estimular o meu corpo a produzir mais. Mas não consegui... De qualquer forma para si ainda é cedo. Há quantos dias lhe subiu o leite? Eu também não percebo muito de amamentação, mas nos primeiros 10-15 dias imagino que seja difícil para auqlquer mãe extrair leite...

Mimi1984 -
Offline
Desde 01 Out 2021

Concordo com a MisaL!

Cada situação é uma situação...posso falar da minha experiência...praticamente não tive leite...a minha bebé perdeu muito peso e fazia uma má pega (só me apercrbi qt tinha uma dor insuportável nos mamilos e sangrava e isto foi logo ao fim de 48h no pós parto...) Quando me aconselharam o LA pensei que era o meu primeiro falhanço...só me apetecia chorar a partir daí...entrei num loop perigoso e vi que a minha sanidade já estava em causa...ao 4 dia decidi que não dava...mesno tentando estimular c a bomba, só produzia 1 ml nas 2 mamas...assumi que ia iniciar o LA e agora estou perfeitamente tranquila com isso...e mesmo com o LA a minha filha só teve o peso do parto ao fim de um mês ...

Estou tranquila com o que decidi. Chorei mesmo muito e senti que fui fraca por ter desistido. Cada vez que alguém me perguntava como estava a amamentação só me apetecia chorar...nem subida do leite praticamente tive...

Até mesmo acertar com as tetinas foi difícil, mas ao fim de uma semana já tinhamos acertado...ficou ela calma e eu, sobretudo eu para poder cuidar dela...Dorme bem e eu consigo descansar minimamente. Não foi uma decisão fácil, mas foi a necessária para a minha sanidade mental e para o bem estar das duas.

Não me vou esquecer do que me disse o pediatra no dia da alta..

"Não a quero ver assim...você não é pior mãe por não conseguir. A sua filha precisa de sim bem. Tem uma filha linda e saudável, por isso aproveite. Tire essa culpa de cima." Foi mt importante para mim.

Força. Qualquer que seja a sua decisão, vai ser sempre no sentido do melhor para ambos.

E afaste-se dos juízes e dos palpiteiros.

MisaL escreveu:
Porque não experimentas 1 dia ou 2 a ver como corre? Também não tens que tomar uma decisão para a vida, pode beber LA 2 noites e se não funcionar para vocês, tentas voltar a amamentar, e se funcionar lindamente fazes a tua escolha.
Digo muitas vezes à minha irmã: o que mais sinto falta é deitar-me à sexta-feira e pensar "vou dormir sem despertador".
Fazes bem sair, tenta sempre um bocadinho e sozinha ainda é mais produtivo. Vai tomar um café de manhã, vai às compras, vai à farmácia, aproveita tudo o que tiveres para fazer e sai de casa.
Força, estamos a torcer para um dia destes dizeres "dorme 6hs seguidas, será melhor acordá-lo para mamar?"

CL1990 escreveu:O que me deixa exausta na amamentação é a intensidade. Tenho alguma dor mas apenas quando ele pega. O que me causa todo este transtorno é estar constantemente a dar de mamar, a não dormir nem 30 minutos entre mamadas. Por mais que o pai fique com ele, eu ouço e não consigo abstrair-me. De dia é um sossego. Ele dorme, mama, dorme, mama. Pode chorar mas é esporadico. De noite é mesmo muito complicado e mal se aproxima a noite já começo a desesperar. As lagrimas grossas caiem-me todas as noites enquanto amamento.
O meu filho é um bebé muito desejado mas começo a duvidar das minhas capacidades para cuidar dele. Não estava preparada para uma privação quase total de sono. Olho para ele e tento pensar que é só uma fase, é o que mais desejo, é que me dê pelo menos algumas horas de sono por noite.
Mais uma vez este forum é o meu refugio. A maternidade é um processo extremamente solitario e eu não tinha esta noção. Já tive amigas a serem mães e hoje vejo que não fui a amiga perfeita, por desconhecimento total de toda a transformação que esta fase trás na nossa vida.
A minha mãe tem vindo cá umas horas á tarde. Somos muito ligadas. É a minha melhor amiga e sempre fizemos muitas coidas juntas desde ir lanchar, ir ao shopping... Como ela não conduz, os 5 minutos que saio de casa para a levar a casa dela têm me feito bem. Mas ontem dei por mim á porta de casa dela e a pensar "só queria entrar e ficar, no meu quarto de solteira".
Obrigada a todas por tudo. Mesmo sem nos conhecermos, já se tornaram mais amigas que muitas amigas. Vou tentar seguir os vossos conselhos.

Sobre Mimi1984

2019 - IIU (-) Hipotiroidismo auto imune
03/2021 - 1a FIV (+); 🖤AR 9semanas; curetagem; Trombofilias
10/2021 - 2a FIV (-) ; Histeroscopia - sinéquias uterinas
12/2021 - 3a FIV (-) 🥚🥚🥚🥚🧊
02/2022 - Biópsia endométrio - Endometrite crónica
03/2022 - 1a TEC 23/03 Beta-333; 25/03-Beta788❤

CL1990 -
Offline
Desde 28 Out 2021

Obrigada minhas queridas.
Francamente eu não sei quando me subiu o leite. Neste momento consigo extrair uns 30mL de leite, 50mL nas duas mamas.
Tenho dado suplemento á noite, uns 30mL em uma ou duas mamadas. Não tem resultado. Ele está com otimo peso, engordou 200 g aos 15 dias, o que significa que o LM esta a ser suficiente.
Francamente eu daria já LA durante a noite se isso o fizesse dormir pelo menos 4h seguidas porque acima de qualquer coisa eu também sou uma pessoa e não posso permanecer com 30min de sono por noite. Não tenho estrutura nem capacidade para isso.
Mas testei ontem dar uma mamada so de LA e não resultou em mais horas de sono.

Sansa -
Offline
Desde 18 Jan 2018

CL1990 escreveu:
Obrigada minhas queridas.
Francamente eu não sei quando me subiu o leite. Neste momento consigo extrair uns 30mL de leite, 50mL nas duas mamas.
Tenho dado suplemento á noite, uns 30mL em uma ou duas mamadas. Não tem resultado. Ele está com otimo peso, engordou 200 g aos 15 dias, o que significa que o LM esta a ser suficiente.
Francamente eu daria já LA durante a noite se isso o fizesse dormir pelo menos 4h seguidas porque acima de qualquer coisa eu também sou uma pessoa e não posso permanecer com 30min de sono por noite. Não tenho estrutura nem capacidade para isso.
Mas testei ontem dar uma mamada so de LA e não resultou em mais horas de sono.

CL, andas exausta, muito honestamente penso que deverias parar com a extração de leite. Se o bebé bebé LA pelo biberão, qual é a intenção da extração? Faria sentido caso não quisesses introduzir LA.
A extração de leite neste momento não faz sentido nenhum, atendendo ao teu estado de extrema exaustão.

Anotski85 -
Offline
Desde 09 Jun 2020

Sansa escreveu:

CL1990 escreveu:Obrigada minhas queridas.
Francamente eu não sei quando me subiu o leite. Neste momento consigo extrair uns 30mL de leite, 50mL nas duas mamas.
Tenho dado suplemento á noite, uns 30mL em uma ou duas mamadas. Não tem resultado. Ele está com otimo peso, engordou 200 g aos 15 dias, o que significa que o LM esta a ser suficiente.
Francamente eu daria já LA durante a noite se isso o fizesse dormir pelo menos 4h seguidas porque acima de qualquer coisa eu também sou uma pessoa e não posso permanecer com 30min de sono por noite. Não tenho estrutura nem capacidade para isso.
Mas testei ontem dar uma mamada so de LA e não resultou em mais horas de sono.

CL, andas exausta, muito honestamente penso que deverias parar com a extração de leite. Se o bebé bebé LA pelo biberão, qual é a intenção da extração? Faria sentido caso não quisesses introduzir LA.
A extração de leite neste momento não faz sentido nenhum, atendendo ao teu estado de extrema exaustão.


Pois também não percebo porque está a extrair leite. Será para o pai dar?
.
CL, a melhor coisa a fazer é dormires. Digo-te isto com a maior assertividade possível: Amanhã deixas o pai preparado para tomar conta da bebé à noite. Jantas, ela mama e tu vais dormir para o quarto. Ela fica a dormir com pai, na sala,enquanto ele faz uma sessão de Netflix. Se ele tomar conta dela das 21h às 2h da manhã sao 5h de sono para ti. A bebé acorda, ele dá LA ou o leite que tiveres extraído.
Aqui era o que resultava. O meu bebé mamava a cada 2h e passava 45 minutos na mama. Eu nem uma hora dormia entre mamadas. Quando eu finalmente estava a adormecer, ele acordava à procura da mama. Era de enlouquecer qualquer um, é uma tortura de sono.
A solução foi essa, volta e meia, quando eu já estava exausta, o meu marido levava o bebé para a sala, e dava ele biberão (LM, no nosso caso).
E nesta fase esta é a única razão pela qual vale a pena tirar leite com bomba. Se não for para o pai dar, então não tires. Em breve o bebé vai espaçar mais as mamadas e mamar mais rápido, aí terás mais tempo e disposição para extrair leite.

APLP -
Offline
Desde 24 Nov 2021

Olá. O meu leite desceu "mais tarde" que o normal, ao 5o dia, apesar de ter sido parto normal. A minha filha chorava toda a noite e queria passar o tempo na mama também... ainda na maternidade, deram-me 3 biberões prontos de suplemento, que bebeu nas 2 noites que lá passámos, e sossegou. Para além disso, uma enfermeira ofereceu-me uma chupeta a ver se a menina sossegada de noite. Ao chegar a casa, passando pelo mesmo (a miúda chorava toda a noite), eu estava exausta e a achar que ela tinha fome (e tinha, nem molhava as fraldas e perdeu imenso peso), e o pai super rabugento por não dormir, decidimos comprar biberões e LA. Foi tiro e queda, deixou de chorar tanto. Eu queria continuar a amamentar, mas o meu companheiro sempre a insistir para lhe darmos o biberão a toda a hora, a miúda deixou de pegar na mama. Senti-me super frustrada, comecei logo a tirar com bomba manual... e oferecia-lhe o meu leite no biberão. Mas demorava cerca de 1h para tirar 30ml de leite, depois lavar e esterelizar a bomba, os biberões, por a menina a arrotar, fazê-la dormir, alimentá-la de 3h em 3h... não estava a aguentar, pois não conseguia descansar nada. Deixei de tirar leite de noite. Depois fui saltando algumas vezes durante o dia, não estava a aguentar! Mal sabia eu (pouco informada sobre o assunto), que isso e todo o stress que estava a passar, diminuiram-me o leite num instante. Ela passou a beber mais fórmula que o normal para a idade dela e começou a aumentar muito, pelo que me diziam no acompanhamento no Centro de Saúde que o meu leite era suficiente, etc etc. E desculpem a expressão, mas eu só me sentia uma merda por não conseguir amamentar a minha filha, fartava-me de chorar todos os dias! Por volta da 3a semana a miúda voltou a fazer uma boa pega na mama, e eu deixei de tirar com a bomba a pensar que era desta que o leite se ia produzir e ia deixa o LA. Outro grande erro... a miúda só mamava quando estava tranquila (ou seja, quando não estava impaciente com fome), e a produção caiu ainda mais. Entretanto comprei uma bomba eletrica, um kit de relactação, umas saquetas para aumentar a produção de leite... não funcionou cmg porque o meu stress em querer ter leite e ver a miúda stressada com as minhas tentativas, fez com que insistisse pouco. Hoje ela tem 8 semanas, eu ainda me sinto super culpada e já culpei o meu companheiro, mas a verdade é que fizémos o melhor com a informação que tínhamos na altura, e visando o bem estar dela! Neste momento só deito umas gotinhas de leite, a miúda já nem pega mesmo nada na mama. E estou a aprender a aceitar que ela bebe LA exclusivo e está tudo bem, porque já não estou feita louca e stressada a querer à força toda ter leite porque a comunidade nos "maltrata" quando não amamentamos. O meu tempo agora é para desfrutar e estimular a minha filha, e não para correr atrás de fundamentalismos. Gostaria de amamentar para ter um vínculo só nosso, mas são coisas nas quais não mandamos! Primeiro o nosso bem estar e dos nossos pequenos.
Isto foi mais um desabafo que um conselho, mas o que lhe queria mesmo dizer é: cuide-se e faça por vocês o que achar melhor. Mãe feliz, bebé feliz. ❤ tudo a correr bem!

Ana Maria Costa1 -
Offline
Desde 01 Fev 2019

APLP escreveu:
Olá. O meu leite desceu "mais tarde" que o normal, ao 5o dia, apesar de ter sido parto normal. A minha filha chorava toda a noite e queria passar o tempo na mama também... ainda na maternidade, deram-me 3 biberões prontos de suplemento, que bebeu nas 2 noites que lá passámos, e sossegou. Para além disso, uma enfermeira ofereceu-me uma chupeta a ver se a menina sossegada de noite. Ao chegar a casa, passando pelo mesmo (a miúda chorava toda a noite), eu estava exausta e a achar que ela tinha fome (e tinha, nem molhava as fraldas e perdeu imenso peso), e o pai super rabugento por não dormir, decidimos comprar biberões e LA. Foi tiro e queda, deixou de chorar tanto. Eu queria continuar a amamentar, mas o meu companheiro sempre a insistir para lhe darmos o biberão a toda a hora, a miúda deixou de pegar na mama. Senti-me super frustrada, comecei logo a tirar com bomba manual... e oferecia-lhe o meu leite no biberão. Mas demorava cerca de 1h para tirar 30ml de leite, depois lavar e esterelizar a bomba, os biberões, por a menina a arrotar, fazê-la dormir, alimentá-la de 3h em 3h... não estava a aguentar, pois não conseguia descansar nada. Deixei de tirar leite de noite. Depois fui saltando algumas vezes durante o dia, não estava a aguentar! Mal sabia eu (pouco informada sobre o assunto), que isso e todo o stress que estava a passar, diminuiram-me o leite num instante. Ela passou a beber mais fórmula que o normal para a idade dela e começou a aumentar muito, pelo que me diziam no acompanhamento no Centro de Saúde que o meu leite era suficiente, etc etc. E desculpem a expressão, mas eu só me sentia uma merda por não conseguir amamentar a minha filha, fartava-me de chorar todos os dias! Por volta da 3a semana a miúda voltou a fazer uma boa pega na mama, e eu deixei de tirar com a bomba a pensar que era desta que o leite se ia produzir e ia deixa o LA. Outro grande erro... a miúda só mamava quando estava tranquila (ou seja, quando não estava impaciente com fome), e a produção caiu ainda mais. Entretanto comprei uma bomba eletrica, um kit de relactação, umas saquetas para aumentar a produção de leite... não funcionou cmg porque o meu stress em querer ter leite e ver a miúda stressada com as minhas tentativas, fez com que insistisse pouco. Hoje ela tem 8 semanas, eu ainda me sinto super culpada e já culpei o meu companheiro, mas a verdade é que fizémos o melhor com a informação que tínhamos na altura, e visando o bem estar dela! Neste momento só deito umas gotinhas de leite, a miúda já nem pega mesmo nada na mama. E estou a aprender a aceitar que ela bebe LA exclusivo e está tudo bem, porque já não estou feita louca e stressada a querer à força toda ter leite porque a comunidade nos "maltrata" quando não amamentamos. O meu tempo agora é para desfrutar e estimular a minha filha, e não para correr atrás de fundamentalismos. Gostaria de amamentar para ter um vínculo só nosso, mas são coisas nas quais não mandamos! Primeiro o nosso bem estar e dos nossos pequenos.
Isto foi mais um desabafo que um conselho, mas o que lhe queria mesmo dizer é: cuide-se e faça por vocês o que achar melhor. Mãe feliz, bebé feliz. ❤ tudo a correr bem!

Não sei se leu mas mãe disse que mesmo dando LA não resulta, a bebé não dorme mais...

Que_qué -
Offline
Desde 26 Jul 2017

Eu acreditei que ia amamentar em exclusivo... Mas isso só aconteceu nas primeiras 24 horas. Ainda na maternidade passamos uma noite que ia por esse caminho, de acordar de hora a hora. Uma enfermeira disse-nos: "posso dar-lhe LA?" Acedemos e a inocente bebeu de uma vez quase 90 ml. Remédio Santo. Dei mama enquanto tive, mas oferecia sempre suplemento e ela bebia.
Naquela altura não lidei muito bem com a situação, foi uma desilusão, mas como dizia a minha mãe, há LA e o único problema é quando esse dinheiro nos faz falta para outros bens de 1 necessidade.
Decida o melhor para si. O LA não tem qualquer problema. Conheço várias crianças que nunca tomaram LM e são saudáveis. A sua sanidade mental é mais importante.

fmmartins -
Offline
Desde 14 Dez 2016

Podem passar mil anos que ninguém consegue ficar indiferente a estes desabafos.
O primeiro mês é difícil, ninguém nos prepara para isto e esses sentimentos são normalíssimos. Quantas vezes pensei: "no que é que tu te foste meter", ou ter uma certa inveja de quem podia dormir. Entre amamentar, mudar fralda, colocar a arrotar, quando vais dormir já está na hora de voltar tudo ao mesmo. Não se distingue dia e noite, dorme-se quando dá em prestações. A boa notícia é que melhora, começam a aguentar mais tempo a dormir seguido. Um dia dormes 4h seguidas e acordas com o peito cheio toda aflita e atordoada, notas a diferença brutal. Melhora a cada dia e o teu estado vai melhorando também, vais conseguindo tomar um banho e comer em condições. É duro agora mas vai passando, acredita.
Muita força!

Daniela Silva12 -
Offline
Desde 10 Fev 2023

Olá mamã, parabéns pelo bebé e calma que tudo é uma fase!
Isto é tudo muito pessoal mas vou falar sobre o meu ponto de vista pois tenho uma bebe com quase 2 meses.
Eu comecei a amamentar LA porque não tive leite nem colostro no hospital, também fiquei triste na altura porque nas aulas de preparação para o parto pressionam que temos de amamentar em exclusivo LM até aos 6 meses, pelo menos é a experiência que tenho. Deixei de ir às aulas e ainda bem hoje vejo que não corresponde de todo à realidade o que aprendiamos.
Eu tenho leite no peito e dou quase exclusivo LA desde sempre, cada vez dou menos peito, gosto mas sinto muitas dores a amamentar sinto que não alimenta e ela nasceu com quase 4kg e nunca chegou alimentar se do meu peito mesmo que esteja 20 minutos em cada mama, já quase não tiro leite com a máquina porque sinceramente fui desistindo. Sinto às vezes aquele peso na consciência não digo que não, já me senti menos mãe por não fazer o '' suficiente" por ela mas eu acho agora que nos temos de fazer o que sentimos.
A minha mãe, quando tu tinha 5 meses começou me a dar leite de vaca mesmo, nunca tive qualquer tipo de doença nem nunca andei doente no infantário, nunca dei noites mal passadas, pelo que ela conta.
Portanto se tiver que dar LA de e não se preocupe com isso, é leite, tem tudo o que eles precisam e por vezes o nosso não tem, pois eu chegava a tirar leite e quando ia buscar ao frigorífico era só água.
Tudo é uma fase o importante é alimentar os nossos filhos seja da forma que for, amo a minha mãe e não tenho menos carinho por ela por ter mamado só durante 2 meses no peito dela.
Não é bom para si a privação do sono que está a ter. Tem de pensar em si também e saber que há alternativas e talvez essas alternativas a façam viver melhor este momento lindo da maternidade ❤️